​Se alguém por mim perguntar, diga que só volto quando me encontrar

terça-feira, junho 20, 2017


Já se olhou no espelho e não se reconheceu? Pois é, você não está sozinha. Talvez já faça dias que estou assim, e não quis sequer admitir, afinal é mais fácil sorrir e fingir que tudo está no seu devido lugar.

Mas o que não está no lugar, onde me perdi? São as perguntas que ando fazendo em frente ao espelho, e apenas tenho como resposta é um sorriso bobo por está falando sozinha. Li e reli textos onde me analisava e não me reconheci, e hoje não sei quem sou. Calma! Não estou em crise de identidade, ou talvez esteja, não sei.

CARAMBA! Falo de fulano, falo de ciclano, analiso beltrano e quando chego na minha vez, puff! Nada sai. No momento estou ouvindo funk para não cair mais lagrimas de meus olhos, meudeus que ponto cheguei, não é como dizem por ai que existiu uma outra de mim, mas essa que está aqui não é a completa, falta algo, sabe? 

Já disse que me auto saboto, já falei tantas coisas ruins ao meu ver, já admiti que nem eu mesma consigo me entender, já coloquei a culpa no meu signo, ascendente, vênus, marte e até plutão que tadinho, tao distante que nem faz tanta diferença.

Me perdi, me perdi dentro de mim, talvez o lugar mais escuro onde alguém possa se perder, são tantos pensamentos, tantos sentimentos, tantas sensações que chega uma hora do dia que dou tilti, e tenho que me reiniciar e "olá, tudo bom com você?" com aquele sorriso de quem nunca sequer chorou uma noite inteira até cair no sono e o despertador tocar vinte minutos depois pois já chegou a hora de ir trabalhar. (ok, não sei porque estou contando isso, ainda mais aqui, mas vamos prosseguir)

Se você ver alguém sorridente todos os dias, e pensar "caramba, a vida dela deve ser um mar de rosas" mas não se esqueça que até a rosa mais bonita tem os piores espinhos. Moral da história? 
Ninguém está tão bem que não precise de um abraço ou uma mensagem dizendo que está ali, e  ninguém está tão mal que não possa estender a mão para ajudar o próximo.

E sobre mim? Eu vou indo, vou me encontrando ao longo do caminho, e não se preocupe, sempre deixei rastros meus pelo caminho, e se me encontrar na estrada, aceito uma carona, viu!?




You Might Also Like

2 comentários

  1. Eu não sei o que acontece comigo que não consigo parar de ler seus textos e fico revoltada mesmo quando você escreve e não me avisa que tem texto novo... Enfim, amei o texto (como sempre né haha)❤

    ResponderExcluir