Eu sempre vou lembrar de você

sexta-feira, novembro 10, 2017


Podem passar anos, sei que sempre irei lembrar de você. Irei lembrar do som da sua respiração, o tom da sua voz, o seu sotaque carregado, meio carioca com português, acho que foi de você que inventaram o termo "carioquês", ok, foi sem graça, afinal, você levou toda graça com você. 

Nunca irei dizer não demos certo, pois deu mais que certo, foi inesquecível cada momento que passei ao seu lado, sei que terei histórias para contar para os nossos... bom, meus netos. Você foi o amor da vida, foi ao seu lado que pude entender o que é viver a dois, e amar sem qualquer moderação. Tudo entre nós foi intenso, muitos perguntavam como eu sabia que era você quem eu tanto procurava, bom, quando eu parei de procurar foi o momento que te encontrei.

Já disse milhões de vezes que agradeço muito por todas as outras vezes terem dado errado, pois era pra ser com você, e foi com você. Se daqui a cinco anos alguém me perguntar sobre você, tenho certeza que irei falar com esse mesmo sorriso no rosto que estou agora. Você é incrivelmente incrível, impossível não amar, e impossível te esquecer. Você veio para ficar, se não fisicamente, mas ficar imortalizado entre meus versos, entre as batidas do meu coração.

Acredito em destino, mas acredito em amores que não nasceram para serem vivos, e o nosso é bem os dois. Te amei com todas as forças de uma mulher, me entreguei com toda inocência de uma criança, não teve um dia sequer que eu não tenha vivido contigo e não tenha sido feliz, até em meio as brigas, até em meio ao caos em que minha vida estivesse, você esteve ali, as vezes me amando, as vezes me odiando, as vezes apenas ali observando, mas sempre ali.

O óbvio precisa ser dito e demonstrado, mas cada um tem sua particularidade em demostrar isso, sempre tive receio em amar, receio em me entregar, e veio você e mudou tudo, posso ser boa com as palavras e analise comportamental como você diz, mas não sou boa em demonstrar tudo que sinto, não é que eu esconda, mas ainda não aprendi a lidar com toda essa intensidade que é te amar. Você tem espirito livre, e me ensinou a ser também, mas não me ensinou como ser livre mesmo amando alguém. O nosso amor é intenso demais, ele já suportou tanta coisa que não sei se é certo cobrar tanto dele como fazemos, mas de uma coisa eu tenho certeza, independente da nossa situação ele não irá morrer, ele não será Luan Santana para esperar por trinta anos, mas ele será como o amor de Romeu e Julieta, um amor que passará vida após vida e ainda sim ele permanecerá.

Não me despedi quando você decidiu partir, mas não foi porque não o amava, ou por que não o queria por perto, mas por te amar o suficiente para entender que se a sua felicidade não está ao meu lado, é melhor te deixar partir pois no momento em que te amei, amei a sua felicidade e liberdade.

Eu te amei ontem, eu te amo hoje, e vou te amar amanhã, de semana à semana, de mês em mês, de ano em ano, até os meus últimos suspiros irei amar a única pessoa que foi capaz de me fazer sentir o que de fato é o amor, você.






You Might Also Like

2 comentários