A ultima carta


Lembra como tudo começou? Talvez tudo tenha começado em um tom de brincadeira, disputas de qual signo era melhor (e sabemos que é o meu), de quem tem razão nas brigas, de quem tem o melhor gosto musical. E foi dessa forma, cheio de conflitos, para alguns bobos, mas para nós indispensável que sem perceber entramos em queda livre para o que muitos chamam de paixão.

Mas até nisso somos errados, pulamos tão rápido essa parte da paixão, e cá estamos nós, amando sem ter um ao outro, você me tem, como nenhum outro alguém teve, me tem como alguém que possui uma herança de família e não pode passar para ninguém, pois está no contrato, e por falar de contrato tínhamos o nosso, se lembra? "não beber" "não usar roupa curta" "não me deixar" "não mentir" e mais uma vez "não beber"

Dentre todas, a única que não foi cumprida foi a não beber. Bebi, bebi muito na intenção de te tirar da cabeça e do coração, cada drink eu dizia para mim "ultima vez que te mando mensagem e lembro de você" e horas depois estava eu escrevendo uma mensagem, tentando te ligar, minha sorte que meus amigos sempre tomavam meu celular, e assim foi por meses, drinks atrás de drinks, me senti em um filme americano onde o cara senta no bar, levanta a mão e diz: "mais uma dose por favor, aquela desgraçada partiu meu coração" 

Mas você não partiu o meu coração, ele ainda está inteiro, mas ele já não me obedece, não me escuta, só responde quando escuta a sua voz, e essa seja a pior dor. Nesse instante ele está dizendo que sente sua falta, que ainda o ama, ainda não, pois nunca deixou de amar. Desde que você se foi, ele não aceitou mais ninguém, é como uma musica do projota "vivi por vinte anos sem saber que cê existia mas depois de perder você é difícil viver por vinte dia"

Tentei seguir em frente, mas algo sempre me levava a você, sonhos, musicas, pensamentos, e até pessoas que conheci depois de você, e talvez eu gostasse disso, de um jeito louco te mantive por perto quando você queria se manter longe. Nunca contei a ninguém o desfecho da nossa história, tínhamos tanta plateia para a nossa felicidade que para a minha dor preferi me isolar,e fiz, tu reparou e ainda soltou "você ta diferente, você não era assim" e você não faz ideia do quanto isso me doeu, pois eu podia simplesmente falar o porquê, mas apenas disse que estava bem, e que não tinha mudado. Mas cá entre nós, depois de dormir várias noites chorando, esperando um "sinto sua falta" ou até mesmo "eu te amo" é difícil manter as aparências que tudo está bem.

Não te culpo por nada, muitos dizem que deveria, mas me poupo disso e te poupo também, pois apesar de tudo, você me rendeu bons textos, e milhares de aprendizado. Pode acontecer de receber algumas mensagens ainda dizendo que sinto sua falta, que o amo, mas as frequências irão diminuir, pois ainda estou aprendendo a lidar com a falta que você me faz.
E mais uma vez, não, eu não encontrei outra pessoa, não estou me relacionando com outra pessoa, talvez para isso acontecer demore um pouco mais que alguns meses, pois umas das coisas que aprende, é que tenho que ser sincera com que sinto, e nesse instante, ás 09:54am estou aqui, dizendo que sinto sua falta, não sei por quanto tempo ainda irei sentir, ou por quanto tempo ainda irei te amar, como você tem tatuado e eu tenho na minha porta carpe diem.

Se você chegou até aqui, saiba que independente de qualquer virgula que a nossa história teve, ela foi nossa, não posso negar nem se eu quisesse, é como eu já tinha dito, quem me vê hoje sabe que te encontrei, seja pelo sotaque adquirido, seja pela vontade de surfar ou seja apenas pelo espirito livre que aprendi a ter, pois só assim entendi que posso te amar, que só assim posso te querer, posso sentir sua falta e ainda sim continuar a viver, e não, isso não é egoismo.

Ainda vou obedecer o contrato e seguir os planos, vou ser a menininha que você conheceu lá trás, mas não se preocupe, a nossa história está imortalizada onde nem eu mesma consigo tirar. E para hoje, seja, seja feliz, seja você mesmo, seja essa pessoa pela qual me apaixonei, seja essa pessoa pela qual amei e dei o meu mundo, seja, o dono das minhas risadas mais sinceras, seja dono das piadas nas horas mais indiscretas, seja a pessoa pela qual valeu lutar todo esse tempo, afinal, estou partido hoje, mas a nossa história ainda continua, de alguma forma ela ainda vai se manter viva, dentro de nós.


Com amor, sua ex namorada.



Escolha mais um texto

4 Comments